Voltar

Carl Richards escreveu este artigo no New York Times em maio de 2016.

A mensagem, da qual traduzimos um pequeno extrato, mantém-se atual

Notas sobre mercados assustadores

O mercado está assustador. Juntamo-nos para almoçar para decidir o que fazer. Comecemos com alguns pressupostos. Em primeiro lugar, o seu portfolio foi construído especificamente e intencionalmente para lhe oferecer a maior probabilidade de atingir os seus objetivos de longo prazo. Segundo, o portfólio está a cair 20% ou mais e o leitor quer vender tudo e ficar em dinheiro porque sente que é mais seguro.

Mas antes que faça isso, antes que tome esta decisão tão drástica, vamos ter uma pequena conversa:

Eu: Porque motivo investiu no seu atual portfólio?

Você: Porque este portfólio dá-me a melhores probabilidades de atingir os meus objetivos.

Eu: E os seus objetivos mantêm-se?

Você: Sim, mantêm-se.

Eu: OK, ótimo. Primeiro passo, tem o portfólio certo.

Façamos aqui uma pequena pausa para efeito dramático e para reiterar que tem o portfólio certo.

Você: Mas não aguento mais! Tenho que vender tudo!

Eu: Compreendo. Agora, só para ficar bem claro, se fizer isso, será uma decisão permanente? Está a sair do mercado acionista para sempre?

Você: Bem, não…”

Eu: OK. Então quando acha que vai voltar a investir?

Você: Quando as coisas estiverem mais calmas!

Vamos fazer outra pausa.

Agora sabemos três coisas muitos importantes.

  • Tem o portfólio certo.
  • Não vai abandonar o mercado permanentemente.
  • Irá reinvestir quando as coisas acalmarem.

Analisemos este último ponto com um pouco mais de detalhe. Gostaria que imaginasse como serão as coisas depois de terem acalmado:

  • Quando o mercado acalmar, vai ser menos assustador que agora?
  • Quando o mercado acalmar, a economia vai estar melhor?
  • Quando o mercado acalmar, o tipo no canal financeiro vai estar a dizer a todos para comprar ações?

Todos sabemos as respostas para estas questões: sim, sim e sim.

Uma última pergunta: Se o mercado não está assustador, se o a economia está melhor e o tipo na tv berra para todos comprarem mais, como acha que vai estar o mercado comparado com o atual?

Muto mais caro, obviamente!

Recapitulando, o seu plano é vender um portfolio, construído para si, hoje mesmo quando o mercado está a cair. Depois, vai esperar até que o mercado melhore. E, quando melhorar, vai recomprar o portfolio original a preços muito mais elevados.

A sério?

Não quero ser aborrecido, mas queria mesmo reforçar este ponto. Não faz absolutamente sentido nenhum vender um portfólio construído para si quando o mercado está a cair e depois recompra-lo quando o mercado já subiu. Faz muito mais sentido simplesmente manter o seu portfólio e aguentar os tempos mais assustadores.

Ao invés de fazer o que o medo o impele a fazer, recorde estas três coisas:

  • Construiu o seu portfólio com os seus objetivos em mente.
  • O seu portfólio continua a corresponder aos seus objetivos.
  • Se vender o portfolio agora e o recomprar mais tarde quando os mercados acalmarem, tudo o que vai conseguir é perder dinheiro.

É tão simples quanto isto. Não o faça.